segunda-feira, 7 de maio de 2012

Manual dos Monstros de Nonsen: O Orc



O Orc

Nem vou perder meu tempo descrevendo. São orcs! Ponto!

-Mestre de D&D não querendo perder tempo falando que são orcs.-



Humanóide (Médio, Normal, feio que dói)
Dados de Vida: Depende da classe + 5
Iniciativa: +2
Deslocamento: 9m
Classe de Armadura: Sem armadura: 12, com a armadura varia.
Ataque: 1 Arma + 3
Dano: dano da arma +4
Espaço/Alcance: 1,5m
Qualidades Especiais: Saco de Pancada,
Testes de Resistência:  F+2, R+2, V-1
Habilidades: F 16, D 14, Co 15, I 8, S 8,Ca 5
Perícias: Intimidar +4
Talentos: Fornecidos pela classe e Vitalidade
Ambiente: Aquele em que são enfiados.
Organização: indivíduo, casal, suruba 1d4+2, Grupo de 3d6, Tribo com 100-1000 indivíduos.
Nível de Desafio: depende do nível da classe.
Tesouro: Padrão.
Tendência: a ser feio.
Ajuste de nível +1*

O orc é um ser criado por magos geneticistas da empresa Pentécsi Corporation, localizada em Orreino. Os orcs são produzidos com o único objetivo de serem mortos aos milhares por aventureiros de diversas partes do mundo conhecido. E de alguns mundos desconhecidos também. Depois de bolinhos, é a segunda maior fonte de renda da empresa.

Cerca de 60% toda a produção órquica de Nonsen é exportada para Yerevan onde os Anões se encarregam de fazer a distribuição nas suas dungeons. A despeito do seu destino cruel nas mãos de aventureiros de diversos níveis, os anões tratam seus orcs muito bem. Eles os alimentam e dão treinamento adequado (ou seria adestramento?) para que possam servir de eficientes sacos de pancada.

Cerca de 20% de toda a produção de orcs em Nonsen é destinada ao reino de Normália do sul, onde são soltos pela cidade nos finais de semana para alegria do reino-do-caos-do-fim-de-semana.

Outros 10% dos orcs são comercializados com diversos vilões e conquistadores dos reinos, assim como demônios, dragões e outros seres que necessitam de buchas de canhão baratas para seus exércitos.
Por fim, os 10% restantes dos orcs estão em liberdade. Graças a atuação de Eco-Lobsomens através de manifestações e atentados terroristas contra o uso de orcs em experimentos tecnomágicos, os orcs estão sendo liberados aos poucos do seu cruel tratamento. Os eco-lobsomens à anos vem lutando contra a Pentécsi desde que esta empresa passou a usar orcs para fazerem cosméticos de cor verde, como esmaltes, batons e usar suas presas para fazer fortificante para unhas. Dizem os eco-lobsomens, mas sem provas concretas, que estavam usando orcs em experimentos para criar uma super-raça de seres grandes, fortes e alta capacidade de regeneração chamados Hulks (sim isso é um gancho pra uma aventura).


Felizmente, orcs se reproduzem rápido e estes 10% que estão livres conseguem manter sua população a despeito da quantidade de aventureiros matando-os aos milhares.

Seu ciclo de reprodução consiste na cópula entre um macho, uma fêmea ou vários machos e fêmeas, dependendo do tamanho da suruba. A fêmea pare 2d4 filhos que estão adultos em 4 semanas. Uma população formada, por exemplo, por 100 indivíduos, 50 machos e 50 fêmeas pode dar origem a 400 adultos dentro de um mês! Claro isso é praticamente nada dado a mortandade promovida por grupos de aventureiros sedentos de XP.


Locais com poucos aventureiros acabam tendo uma superpopulação de orcs, considerada uma praga de lavoura, de gado, enfim, de tudo que eles conseguirem pilhar. A Pentécsi Corporation já tem em seus planos produzir agrotóxicos e venenos específicos para a eliminação desta praga em locais onde não há aventureiros disponíveis para equilibrar o delicado ecossistema.

Um outro problema oriundo da praga de orcs é a estranha necessidade que os machos da espécie tem de copular com fêmeas de outras espécies não importando os detalhes anatômicos. Humanas, elfas, ogras, éguas, étc...Disso surge a população de meios orcs e meio ogros do cenário.


Saco de Pancada: Personagens com algum nível de classe tem +2 nas jogadas de ataques contra orcs.

*Sim você ganha um nível se quiser jogar com um Orc.







Rogério "Monge da Dungeon" Freitas Filósofo espancador épico distorcendo o espaço-tempo para tentar postar alguma coisa de vez em quando.

5 Blá blá blá!:

Odin disse...

Hahahahaha!

Dragões do sol Negro disse...

HAHAHAHAH SHOW DE BOLISMO!

Diego disse...

Existem fazendas de Orcs em Nonsen?

HUAHUAHUA!

Muito fera, a criatividade do Rogério surpreende.

Rogério "Monge da Dungeon" disse...

Obrigado Pessoal!

A propósito, Diego, existe sim!

Os Anões estão pensando em começar uma produção local para reduzir custos com transportes de Orc. Claro que o Senhor Fomori Silva, dono das empresas Pentécsi, sofreria um ataque cardíaco se soubesse! Teria que investir mais em Bolinhos marca BRP pra compensar a concorrência com os anões.

No mercado negro, dizem que tem orc a preço de custo, mas a dica para contrutores de dungeon pobres são os Goclins! Goblins são praticamente Orcs Genéricos com preços populares para Donos de Dungeon em início de carreira!

Fikadika!

Flws

Dragões do sol Negro disse...

HAUHAUHUHAU

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes