segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Raças de Nonsen: Vampiro Romântico


7ª raça de Nonsen revelada!!!

(para seu desespero!)


Isto é um Vampiro Romântico...

 

...que por incrível que pareça, ele era assim antes:

 Mas quanta diferença, não?

Ah Crepúsculo é igual a Malhação, só que com vampiro.

-         Isreal ex-jogador da minha mesa de D&D4ª Edição explicando crepúsculo – In Memoriam

Em tempos imemoriais que ninguém mais se lembra, faltava a Vida, a deusa da vida, idéias para criar novas criaturas. Foi então que Vida conversou com Arte e ambas chegaram à conclusão que seria interessante que os demais deuses criassem também suas criaturas, afinal o mundo também era deles.
Vida e Arte decidiram fazer um concurso de seres vivos! Os 13 primeiros colocados teriam suas criações incluídas em Nonsen por Vida.
Os deuses passaram uma eternidade criando seus seres e quando chegou o dia do concurso foi aquele alvoroço.
O dia era de festa e cada deus expôs em suas mesas os seres vivos que haviam criado.
Três Deusas participaram como Juízas: Vida, Arte e Luxúria. Vergonha foi escalada, mas era tímida demais para ser Juíza.
Por uma eternidade inteira, as três deusas ficaram ouvindo de cada Deus o que seus seres eram e podiam fazer. O único deus que não convidaram para este evento foi Sono, pois se tivessem convidado provavelmente dormiriam em meio a tantas explicações.
Terminado o concurso, os muitos mortos vivos de Morte, a deusa da morte, ficaram em 13º, que embora Vida os tenham rejeitado, Luxúria achou os vampiros muito gostosões e a Arte os considerou muito belos. Isso ascendeu a ira de Amor, o deus do Amor, que ficou em 14º lugar no concurso por causa dos cupidos.
Vida achou os cupidos muito bonitinhos, mas Arte os considerou um plágio dos seres alados de Ar o Deus do Ar. Luxúria os considerou muito pouco sexy, na verdade quase uma apologia a pedofilia. Amor ficou furioso em saber disso e Morte escarneceu o Amor. O Amor então aproveitou um momento que Morte dava uma entrevista e sorrateiramente pediu para os cupidos lançarem flexas em direção a mesa de Morte.

Uma dessas flechas, atingiu o coração do vampiro...

O mundo de Nonsen foi criado e os mortos vivos passaram a viver suas vidas tétricas como bons seres tétricos e terríveis que são. Mas morte não sabia ainda do que o Amor havia feito com suas criações...

...Até que o primeiro vampiro se apaixonou.

Quando Morte viu que um de seus vampiros se apaixonou e sofreu mutações horríveis ele percebeu o dedo do Amor nesta história e tentou mudar isso, mas Vida o impediu, pois uma vez criado uma raça não podia ser modificada: somente Vida poderia fazer isso e ela gostava da idéia do vampiro ter um pouco de amor em si.
Morte sentiu-se contrariada e enfureceu-se com Vida. Mas teve uma idéia e sussurrou com Luxúria um plano mirabolante. Já que seus vampiros eram seres condenados a amar com intensidade inumana, eles teriam um poder único de excitar sexualmente e absurdamente as fêmeas das raças as quais pertenciam em vida e a fazer elas se apaixonarem perdidamente pelo vampiro. 
Quando vida percebeu a intenção dos dois Deuses, Morte contra-argumentou:

-         Você disse que não poderíamos modificar os seres, mas não falou nada sobre lançar-lhes uma maldição!

E Vida emudeceu... Morte tinha razão e eis que a maldição se consumou e os vampiros passaram a ter uma influencia profunda nas fêmeas.
Vida então foi rumo a seu irmão Conhecimento e pediu para ele ajuda, pois se os vampiros conquistassem todas as fêmeas as raças estariam extintas...

Conhecimento ponderou profunda e lentamente na questão e em menos de 1,5 nanossegundo veio a resposta:

-         Amaldiçoe o vampiro então, para que ele se apaixone apenas por uma única fêmea e que seja puritano. Assim as outras fêmeas, mesmo que tentem, não irão ficar com eles.
Ah e faça o mesmo com as vampiras está bem?

Vida fez exatamente o recomendado por Conhecimento e Morte desta vez não fez mais nada, afinal o vampiro é um ser amaldiçoado pela Morte, pelo Amor, pela Morte denovo e pela Vida: já tinha maldições demais...

Assim nasceu a raça mais estranha de Nonsen:

Eduard!  

am... quero dizer... o

Vampiro Romântico!

Como surgem os Vampiros Românticos?




Vampiro Romântico com sua protegida indefesa e inútil!


Devido a todas as maldições que foram vítimas, os vampiros românticos são inicialmente os mesmos monstros sugadores de sangue que aterrorizam as noites Nônsicas. Mas se um dia ele se apaixonar perdidamente por uma fêmea de sua própria raça (ou por uma elfa já que são irresistíveis para qualquer raça) ele sofre terríveis transformações.

Vampiro Romântico é um modelo/template que pode ser adicionado a qualquer vampiro.

Um Vampiro que recebe este modelo/template perde todas as características de vampiro e passa a possuir as seguintes características:

- Um vampiro romântico possui habilidades acima da média da sua raça. Eles recebem +2 em todas as habilidades.

-  Um vampiro romântico que esteja em contato com a luz do sol ou fonte de luz similar brilha absurdamente conferindo a quem tentar atacá-lo -2 nas jogadas de ataque por ficar ofuscado. Esta penalidade não se aplica caso o atacante não possa ver (dã, sério?)
- Meio Morto Vivo: Um vampiro romântico é um ser que é apenas ¼ morto, ou seja ele é um morto vivo, mas esta mais vivo que morto, entenderam? Não? Ok só pega os bônus no fim da descrição, ok?

Protegido(a) Indefeso(a) e Inútil: Um vampiro romântico deve manter sempre ao seu lado o amor de sua vida não importando que ele seja um verdadeiro peso morto para você ou para seu grupo. Ele irá te acompanhar mesmo que você não queira, e caso ele se mantenha afastado de você por mais de 2 dias, ele começará a fazer coisas idiotas apenas para chamar sua atenção e você ser forçado a ficar ao lado dele.
E mesmo assim você irá adorar isso, porque você ama ele/ela de verdade fazendo qualquer coisa por ele/ela por mais imbecil que seja... Em outras palavras age igual a um ser humano normal apaixonado...
Caso o protegido indefeso e inútil seja morto o vampiro romântico entra estado de choque e fica paralisado até o fim do encontro. Se até a próxima lua cheia ou caso o vampiro romântico morrer (o que acontecer primeiro) ele não ressuscitar seu amor ele se transformará em um vampiro de verdade perdendo todas as características de vampiro romântico e retomando todas as características de vampiro que possuía antes de assumir o modelo (e se torna um NPC).
O Protegido Indefeso e Inútil funciona como um camponês de mesmo nível que o vampiro romântico só que não sabe atacar e o máximo que consegue fazer é ficar torcendo pelo seu amor...

Regeneração: Um vampiro romântico possui regeneração e recupera 1 ponto de vida por rodada. Pode ser morto por fogo, ácido ou uma estaca cravada no peito (a maldição do deus Amor). Caso o Protegido Indefeso Morra, o Vampiro Romântico perde esta característica.

Hematófago: Um vampiro romântico pode se alimentar de qualquer forma de sangue, animal ou humanóide, ao contrário dos vampiros de verdade que somente podem beber sangue de humanóides inteligentes. Caso morda outro ser inteligente, o vampiro romântico o transforma em vampiro de verdade, não em um vampiro romântico.

Meio Morto-Vivo (subtipo)

- Um ser meio morto-vivo recebe +2 nos testes de resistência contra efeitos que afetem a mente, veneno, doenças, paralisia e atordoamento.
- 50% de chance de evitar um crítico ou um ataque cirúrgico pois alguns órgãos podem ainda estar funcionando.
- + 2 de Fortitude.
- Visão no Escuro
- Aumenta seu DV em uma categoria: exemplo se sua classe possui D10 como dado de vida, passará a ter D12.

Ser vampiro Romântico tem um ajuste de nível total de +4
==================================================
Dedicado a Israel

Ex jogador da minha campanha de D&D 4ª edição, morto em Maio vítima de um assalto.

Que descanse em paz... 

==============================================

By Rogério "Monge da Dungeon" Freitas - Filósofo espancador cuja Dungeon é seu templo.

Ps: Eu já falei várias vezes né? Mas só para não perder o costume: comprem as camisetas do blog! Parte do dinheiro arrecadado será convertido em bonecos de treinamento para os filósofos espancadores da minha ordem!

4 Blá blá blá!:

Dragões do sol Negro disse...

kkkkkkkk
ta passando mal aqui!

Dragões do sol Negro disse...

Eh isso ai comprem a camiseta já vendemos duas uma pra mim outra pra minha mãe. Que comprou pra eu usar.

Dragões do sol Negro disse...

Sinto muito pelo seu amigo Israel, que a estrela dele brilhe e ilumine o caminho de todos nós!

Mestre Urbano(Lezard Valent) disse...

Pena que ele morreu, meu carinho a família e aos amigos.

Ótimo post.

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes