domingo, 22 de maio de 2011

Modelos de Nonsen - Criatura Rascunho

 

CRIATURAS RASCUNHO


Um novo conceito em bixo esquisito...


- Qualquer veterano de D&D sobre as criaturas rascunhos - 

Em tempos imemoriais, que ninguém mais se lembra, Vida, a deusa da vida, após estudar bem o livro de biologia ficou desejosa de criar os seres vivos e conversou com o deus Conhecimento sobre isso. O Conhecimento então pensou na possibilidade de dar a Vida um caderno para que ela pudesse desenhar os seres vivos que ela criaria.

 Pelo tempo passado juntos estudando o livro de Biologia (vide A Bíblia de Nonsen) Conhecimento percebeu bem os gostos de sua irmã e fez o caderno todo enfeitado com florzinhas e tons pastéis carregados no cor de rosa. Ele também precisava se assegurar que o caderno fosse visto e manuseado apenas por Vida, então, desenhou uma imagem “fofis” na capa. Esta imagem é, na verdade, um ser extraplanar bidimensional extremamente poderoso, batizado por Conhecimento com o nome: Rélou Quiti.

Conhecimento então pegou um fio de cabelo de Vida e com ele fez um lábis especial e infinito, chamado B6000. Com ele Vida poderia desenhar os seres vivos e, graças a ser feito com o fio do seu cabelo, tudo o que ela desenhasse ganharia vida.

Vida, muito agradecida, passou a rabiscar em seu caderninho da Rélou Quiti imagens dos seres vivos que queria criar. Infelizmente ela não sabia desenhar direito e os primeiros seres vivos eram meros rabiscos extremamente toscos.

Arte, a deusa da Arte que ali passava, viu Vida rabiscando os desenhos toscos e teve um “piti”. Depois de se recuperar da crise de frescura, a deusa Arte deu a deusa Vida, um caderno de desenho e ensinou-a a desenhar bem e em 3D! Assim surgiram os seres como os conhecemos em Nonsen.

Vendo que o caderno da Rélou Quiti não tinha mais serventia, Vida o guardou debaixo da sua cama e o esqueceu...

Reza a lenda (que é sempre real em mundos de fantasia) que os seres que ali estavam desenhados e esquecidos pela própria Vida, foram animados pelo poder de B6000 e criaram para si um mundo conforme as idéias originais da deusa. Este mundo se tornou o Plano de existência de “Rascunhus” com suas próprias regras e leis físicas.

A cada 96 dias, portais para Rascunhus podem ser acessados com um ritual específico.

Ritual Para acessar Rascunhus


O oficiante deve construir uma boneca na forma de uma gatinha branca no valor de 1000 Po. Ela deve possuir dois pontos pretos como olhos, nariz redondo e não deve possuir boca.

A boneca deve ter um lacinho preso na orelha esquerda e vestidinho cor-de-rosa. Esta boneca é a representação do misterioso ser conhecido como Rélou Quiti, desenhada na capa de Rascunhus.

Observação importante: a orelha é a esquerda. Sabe-se que magos que erraram a orelha perderam suas bocas vindo a morrer de fome...

Teste de conhecimento arcano com DC 30 para amarrar a fita na orelha certa!

O Oficiante deve usar pétalas de rosas cor de rosa e, enfileirando-as no chão, deve desenhar um retângulo com 21 Cm de comprimento por 15Cm de largura.

Coloca-se a boneca no centro do retângulo e deve-se entoar as palavras no dialeto rascuniano, que traduzidas dizem isso:

Oh Rélou Quiti, a esquecida! Por onde você come lazarenta?

Desejo entrar no caderno que você guarda zelosamente!

Oh Rélou Quiti, a esquecida! É porque você não tem boca lazarenta, não pode nem falar?

Uma pergunta  quero fazer, se não puder me responder, a página “x” você levará meu ser.

(Aqui deve ser introduzida uma pergunta qualquer.)

Oh Rélou Quiti, a esquecida! Quem cala consente a derrota!

Observação: em “X” você deve dizer qual página de rascunhus você deseja visitar. Se você não disser ou gaguejar o número da página, você será transportado para a contra-capa de rascunhus e ficará por lá por 666 eternidades!

Ou até Vida lembrar de pegar o caderno debaixo da cama...

Para retornar de Rascunhus a boneca precisa ser destruída.

O Plano de Rascunhus


 CONTEMPLEM A INSANIDADE DO PLANO DE EXISTÊNCIA VISTO PELO LADO DE FORA.



   Rascunhus é um Caderno de 96 Folhas infinitas onde cada folha é um sub-plano separado. Cada plano de existência que faz parte da cosmologia de Nonsen, assim como os seres que habitam este plano, existem em Rascunhus, em versão rascunho.

   Rascunhus é um plano bi-dimensional e todos os seres e coisas tem apenas 2 dimensões. Caso algum personagem de 3 dimensões visite este plano este verá apenas 2 dimensões não importa em que ângulo se busque olhar o objeto ou criatura.

   Para acessar outras folhas dentro de Rascunhus, o personagem deve procurar uma Rasura. Rasuras são locais em que Vida errou e acabou rabiscando no mesmo lugar várias vezes até criar um buraco negro. Entrar numa rasura transporta o personagem para quaisquer uma das folhas adjacentes. Exemplo: uma Rasura na folha equivalente ao plano Elemental do Vinho Tinto (folha 36) pode te levar para o plano Elemental da Gelatina (Folha 35) ou o plano Elemental do Suco de Frutas (folha 37).

   Condição Especial: O Local é extremamente hostil a mentes normais, pois uma estranha condição faz com que todas os seres mostrem apenas a parte da frente do seu corpo independente da posição que você olhe!
   Qualquer personagem que não seja um rascunho, deve ser bem sucedido em um teste diário de vontade com DC 10 + número de dias permanecendo aqui. Falhar no teste fará o personagem perder a capacidade de enxergar em 3 dimensões pelo mesmo número de dias caso visite outros planos. O personagem perde totalmente a noção de profundidade, não podendo acrescentar seu bônus de destreza na CA, e Jogadas de Ataque.

   Locais de destaque: tudo que existe no plano material primário e no multiverso existe também em Rascunhus. Contudo existe um local totalmente diferente: O Sub-Plano de Adesivus!
Adesivus é a folha de número 97 de Rascunhus. Ele é inacessível através do ritual, mas pode ser acessado através de uma rasura encontrada na no plano Dusinfernu (folha 96).
 
   Neste subplano, centenas de milhares de seres parecidos com a Rélou Quiti em diferentes roupas e formas concebidas convivem entre si. Em Adesivus, não existe comida nem água e os seres “Relou Quitis” ficam constantemente brincando.

   As Rélou Quitis não são hostis, mas tocar nelas pode fazer com que ela acabe aderindo ao corpo do personagem como um “adesivo” prendendo-o. Evitar isso exige um teste de reflexos com DC = 10 + ½ do nível da Rélou Quiti + Seu modificador de constituição. Alguém “adesivado” pelo corpo de um ser Relouquitiano, acaba ficando com uma máscara de corpo inteiro de uma Rélou Quiti, não pode abandonar o plano e sofre a condição afofuramento (confira a descrição abaixo)!
Para separar uma Rélou Quiti adesivada, o personagem deve usar uma magia desejo lançada por um conjurador de 20º Nível! Mas usar um removedor de cola que também funciona... banho de tiner ou querosene ta valendo!

   A Condição de Afofuramento

   Um segundo efeito que no plano de Adesivus é a terrível condição chamada “afofuramento”. Um teste de vontade por dia de permanência em Adesivus (com CD = 10 + dias de permanência em adesivos) é requerido para que o personagem não fique “afofurado” agindo como uma menininha “paty” de 6 anos de idade. Esta condição também pode ser desencadeada pelo adesivamento de um ser Relouquitiano.

   Uma criatura “afofurada” sofre os seguintes efeitos:

-                     Bixos peludos num raio de 9 m do personagem fazem-no ter crises de “cuti-cuti”. Ele tentará dar abraços do animal “peludo” não importa se é um filhotinho de cachorro ou um urso atroz abissal. Um teste de vontade deve ser feito por rodada para evitar este efeito com CD 10 + Número de Rodadas. Para efeito de regras o personagem afofurado fica atordoado e não pode se livrar dos ataques de imobilização da criatura, não importando se é um Parrotbear faminto.

-                     Sempre que alguém é ferido num raio de 3 metros do personagem, este deve ser bem sucedido em um teste de vontade contra CD 15 ou desmaiar (fica indefeso) por entrar em choque ao ver sangue.

-                     O personagem tem seu deslocamento reduzido a metade pela estranha mania de ficar saltitando enquanto caminha.

-                     Se uma flor, boneca ou qualquer item que o mestre considerar “fofis” for oferecido ao personagem, (mesmo que seja a batalha mais sangrenta que o grupo já se deparou), isso irá fazer o personagem parar de fazer o que estava fazendo e abraçará o objeto. O personagem ficará manuseando o objeto por 2d6 rodadas e não poderá usar ações além das de movimentação. Um teste de vontade com CD 10 + 1 para cada 50Po do custo do objeto anula este efeito.

   Criatura Rascunho

   HUMANO CLÉRIGO COM O MODELO CRIATURA RASCUNHO


   Criatura Rascunho é um modelo/template que pode ser adicionado a qualquer criatura, doravante chamada criatura base.

   Uma criatura rascunho mantêm todas as habilidades raciais que possuía, mais as seguintes:

   Qualidades Especiais

-                     +8 em testes de Esconder-se e Mover-se em silêncio. Uma criatura rascunho é muito fina e leve.
-                     Para efeito de regras, uma criatura rascunho pesa 1/5 do peso da criatura base.
-                     +8 Em testes de Arte da Fuga. Por ser muito fina a criatura rascunho consegue se esgueirar mais facilmente de tentativas de imobilização.
-                      50% de chance de evitar um acerto crítico ou ataque furtivo. Por ter um corpo muito delgado (Aka extremamente anoréxico!) fica difícil discernir os órgãos de uma criatura rascunho. Em outras palavras, é mais seco que um elfo! Esta caractarística não se aplica quando uma criatura rascunho enfrenta outra.
-                     +4 em Destreza – 2 em Constituição.: Rascunhos são bastante ágeis, mas bem magrinhos!
-                     Criaturas-Rascunho recebe o sub-tipo “Rascunho” para efeito de habilidades e itens mágicos mas não perde seu tipo.
-                     Bidimencional: Mesmo sendo desenhado em duas dimensões, ao entrar em contato com um universo de três dimensões, um rascunho possui também 3 dimensões, mas ele é muito mais fino que a criatura base. Você pode passar por locais bem mais estreitos (a critério do mestre) que outra criatura base-não rascunho. Se for necessária precisão, a dimensão faltante: altura, profundidade ou largura terá 1 cm. Uma criatura rascunho em seu próprio mundo simplesmente não possui a dimensão faltante.
-                     Cura Artística: O uso da perícia ofícios “pintura” pode ser usada no lugar da perícia “cura” para tratar as feridas de uma criatura rascunho.

   Ajuste de nível: +2


   Idéias de aventuras

- Um erro grave no ritual de um mago tentando alcançar a página 96 do mundo de Rascunhus criou um portal que esta trazendo hordas de demônios rascunhos para Orreino.

- Um ladino é conhecido na região por roubar casas sem destrancar as portas e cabe ao grupo tentar achar este F.D.P. A única pista é seu codinome: Fininho.

- Um vampiro romântico esta desesperado! Por achar muito fofo o ritual de um mago para alcançar Rascunhus ele tenta imitá-lo na frente de sua amada que desaparece sem deixar vestígios! O grupo deve ajudá-lo até a próxima lua cheia ou ele vai se transformar num vampiro de verdade!

 Rogério "Monge da Dungeon" Freitas: Filósofo espancador cuja Dungeon é seu templo.

PS: tratem de comprar as camisetas do blog! Parte da arrecadação será convertida para a compra de bonecos beholder de treinamento para o nosso templo! Se não cooperarem eu rezarei para que vocês sofram de afofuramento nas suas próximas sessões de jogo.

4 Blá blá blá!:

Igor disse...

o cara é redator do desciclopédia, só pode ueaheuaheauhaeuaehuaehae

JonesVG disse...

Cara, como já te disse antes, ler as descrições de NonSen é como estar conversando com vc quando resolve falar sobre as maluquices Rogerianas! Muito bom, muito divertido he he he he

Rogério"Monge da Dungeon" disse...

Jones:

Não são maluquices Rogerianas! Na verdade eu sou o único normal!
O resto do Mundo é que maluco!

Dragões do sol Negro disse...

HAUAHUAHAU
CARA TA SHOW DE BOLA HAUAHUAH!

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes