sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Gemeas de Aço Parte 4




Chegou-lhe uma carta na qual Ídaco anuncia-se vivo, e lhe pede um encontro no rochedo norte da praia de Porthi.

Seu parceiro de rua esta vivo, foi alfabetizado e é cuidado pelos tais "cavaleiros negros", cujos quais você passou a ver como pagãos que deveriam ser eliminados em nome da ordem.

Você decide não ir ao encontro, mas também conta a ninguem que recebeu a carta, nem como Ídaco poderia saber tantas informações.

com 100% dos votos, vence a opção: apenas prosseguir com o teste (a não ser que o comentario "tem que í la no encontro aopskaoskopaskapokka" do sr. Dildo valha como ir ao encontro).



Você apenas prossegue com seu destino branco e justo.

Chegado o dia de inicio do teste, você segue em gloria ao templo para receber a provação, onde um sacerdote lê as ordens do próprio Svafen sobre suas tarefas. Você recebe uma espada longa comum, um escudo com uma grande bossa de bronze no centro, um elmo de baixa qualidade, um mapa precário em detalhes e um cavalo malhado com carregado com suprimentos. Sua missão é seguir ao norte por dois meses a cavalo, passando por territórios hostís coletando espécimes de plantas ou couros de animais específicos da região, provando que você passou por lá, até chegar as imensas montanhas de Yel (cujo nome original é Eöruew, mas a pronuncia preguiçosa do sul tornou a escrita mais simplificada, ou ao menos foi assim que você ouviu dizer).

Mais seis iniciados estão ouvindo a mensagem. Alguns se emocionam ao ponto de chorar e rezar com fervor, agradecendo pela honra, porém por mais sensibilizado que a igreja tenha o deixado, você ainda carrega as maneiras antigas e os acha demasiadamente sentimentais.

Se voltassem vivos, montariam em grifos e defenderiam a glória de Porthi, em nome do rei Thannus, o grande.

De fato, os perigos na viagem seriam tantos, que se alguem realmente chegasse ao ponto-destino do mapa, dificilmente voltaria com vida. Mas esta é a prova, este é o teste que separa os homens valorosos dos homens fracos da ordem.

Você se tornou uma pessoa de principios, mas ainda pensa nas facilidades da vida. O teste original descreve que você deve voltar com um ramo de uma planta venenosa azulada do pantano de Bultsima. As presas de uma serpente ao norte do mesmo pantano cujo qual é esverdeado por conta da coloração do veneno que nela se impregna. A pata de um lobo negro, caracteristico das proximidades de Odaxam, a cidade comercial. Um peixe de 4 olhos do rio na altura da travessia do Ork e uma folha de arvore-gigante das montanhas de Yel. Para só então, voltar montado em um grifo após domá-lo.

Sua mente trabalha rapido com alguns truques de coloração e ajustes de formas.



As opções são:
( ) ir diretamente a Yel, deixando o restante do grupo para trás, indo pelos caminhos mais fáceis. E coletar os espécimes de qualquer semelhança para alterá-los depois
( ) Seguir junto aos outros iniciados
( ) Tem uma idéia que considere boa? Então comente e espere que concordem com você!

6 Blá blá blá!:

RPG Forever disse...

Seguir junto aos outros iniciados.

Paulo disse...

ir diretamente a Yel

Dragões do sol Negro disse...

Concordo com o JAco, Seguir junto aos outros iniciados.

Matheus disse...

Ir direto a Yel

Pati disse...

ir diretamente a Yel, deixando o restante do grupo para trás, indo pelos caminhos mais fáceis. E coletar os espécimes de qualquer semelhança para alterá-los depois.

fuck yeah xD

Igor disse...

Votem até quarta feira!
situação atual:

Ir direto à YEL = 3 (60%)
Seguir com os outros iniciados = 2 (40%)

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes