quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Então é isso? ou Inicio do fim 25

Então é isso? ou Inicio do fim 25

Boa noite meu Príncipe, hoje continuarei a história espero que goste.
Não meu príncipe, não começarei pela orgia que se seguiu, e nem contarei em detalhes ela é supérflua a nossa história.

Começarei com o retorno deles até o local onde a vila estava feita, mulheres assavam pão, homens limpavam o caminho e construíam uma rua.

Entregaram então o ovo ao Beck que sorriu, mas ele sabia que não havia muito o que fazer pois um dos ovos estava estragado, em sua posse isso era verdade mas já não continha o dragão vivo em seu interior.

Após muito se discutir decidiram então que ele permaneceriam ali, enquanto, George o druida, Fildo o mago, Matusalém o guerreiro sem armas, e Tripa Seca, iriam voltar até o Mago na cidadela dos orcs.

Sim meu rei foi exatamente como estou lhe contando, não levaram os ovos, não é claro que não.

Viajaram por meses até chegarem a cidadela, a vila não estava lá, nem a paliçada nem nada.

Por sorte estavam junto a Fildo que conjurou uma magia e lhes avisou que ela esta lá inteira porem escondida dos olhos.

Então os encaminhou até os portões da cidadela e lá dentro falaram com o mago, mas não ficou muito claro as coisas, então o mago lhes deu um livro que contava a história da fonte da vida.

-Sim meu rei, Mais uma vez estais correto é a fonte das lendas, a fonte que muitos conhecem como a fonte da juventude.

-Claro meu príncipe, vejo que estais afobado hoje, e com pressa, então tentarei ser breve.

O mago quando deu o livro pra Fildo, lhe ensinou também um feitiço pra apagar o livro após ele tivesse lido, Fildo ainda não sabia mas o mago havia feito uma cópia.

Então durante aquele dia eles descansaram, comeram e Fildo estudou o livro e as palavras contidas nele, foram longos três dias.

Durante esse tempo o mago explicou a eles em troca da história, das aventuras passadas até agora, que apesar de ser um livro muito bom era apenas anotações de outros aventureiros e provavelmente não passavam de lendas.

Então após ler o livro Fildo utilizou a magia para apagar o conteúdo do livro, mas algo deu errado, talvez não estivesse familiarizado com a magia, ou houvesse algum tipo de proteção, o fato é que todas as palavras do livros dirigiram-se para o Corpo de Fildo como uma tatuagem indesejada.

Passaram mais uma noite decididos a voltarem. A sua vila formada pelos resgatados de inúmeras aventuras de Back.

Mas durante a noite Fildo teve pesadelos com as escritas, sonhou ser ele um velho que escrevia a história no livro como um diário, e também em outra parte do sonho que era uma mulher, escrevendo e ouvia sempre ela dizer:

- Diante do sopro divino ajoelhe-se. Então vi-a também assinando, Eleinad.

Então surgia de novo um velho que escrevia e tornava-se uma criança correndo com o livro em baixo dos braços.

Teve pesadelos nos dias que se seguiram, quando decidiram encontrar Eleinad nas cidade dos Dragões do Sol Negro, então o caminho mais rápido era por Ortannus.

Lá contrataram o navio Espada de Prata embarcaram, não sem antes Matusalém descobrir que a sua cabeça estava a premio. Assim como de Smirnoff, Back e Amrod eram agora criminosos comuns. Da mesma laia que os bandidos que roubaram a carruagem de Serafin.

Foi uma viajem demorada, mas muito tranquila, George transformava os seus amigos animais em macacos todos os dias para que eles não ficassem em gaiolas e assim prosseguiu durante toda a viajem que durou meses.

Chegaram então na Antiga cidade do velho crânio, atual Dragões do Sol Negro.

Primeira parada obviamente foi a taverna do Velho Crânio, onde o taverneiro lhes indicou onde encontrariam Eleinad a anciã, o templo encontrava-se fechado, é claro só existiam templos do deus Ùnico funcionando.

Contornando o Templo encontraram dois homens trabalhando em uma espécie de horta, mas pela postura deles e pela eficiência que trabalhavam, perceberam logo não se tratarem de fazendeiros.

George riu pois nunca virá ninguém ter tanta dificuldade pra plantar cebolas.

Após se apresentarem, foram encaminhados até a velha que estava dentro do templo, isolada e ajoelhada diante do altar de TEMPUS, o deus da guerra.

Esperaram ela acabar sua rotina de reza então, falaram com ela, estavam sem sucessos em receber as respostas, Fildo reconheceu a velha era a mulher que virá em seus sonhos mas estavam sem sucesso.

Em outro lugar, Alice os procurava durante meses depois que não voltaram na data combinada Alice, se prontificou a encontrá-los e os encontrou. Quando entrou na igreja e a mulher viu, a confiança parecia ser amigos a anos, pois a senhora se apresentou como Eleinad Clériga do deus Tempus.

Então eles explicaram o que havia acontecido, toda a história.

Ela apenas lhes disse:

- Três problemas eu vejo, O seu amigo Amrod transformou a mulher em algo muito ruim, quando dela retirou a maldição e isso precisa ser impedido ou concertado. O seu amigo não deve ter o que quem é natural nascermos vivermos a nossa vida então irmos de encontro aos nossos deuses, deve ser concertado o quanto antes e o ultimo problema era que a fonte não mais existia, fora destruída pela ganância de alguns e ignorância de outros.

Fildo então indagou mais uma vez se era realmente verdade, isso que ela acabará de falar, então ela o ajudou a resolver alguns códigos escritos dentro do texto do livro e agora ele sabia a localização.

Ela longe, nas terras do meio ano, então decidiram primeiro salvar Amrod, da maldição. Ela lhes explicou sobre os materiais necessários que ela precisaria para remover a maldição.

Mas antes de saírem ela deu a eles um pequeno frasco contendo um líquido claro como água acompanhado de um conselho apenas o use quando tudo mais estiver perdido.

Um dos itens só era encontrado em Krystânia, a cidade das jóias.

Assim partiram para Krystânia uma jornada longa e árdua, chegaram na cidade feita de cristais seu interior suas casas sua lojas a única construção que contrastava com o brilho da cidade era fora da montanha, sim meu rei é uma cidade feita na pedra, Uma Imensa arena, que ao conhecerem o dono descobriram se tratar de Tony um gigante das colinas. Adorador de jogos e de uma boa luta.

Como negociantes ingênuos foram enganados mas conseguiram o item que desejavam ou alguma coisa próxima a isso. Um diamante do tamanho de um punho.

É claro que despertaram os olhares de gente maliciosa, mas isso ainda não sabiam.

Voltaram até o templo da Deusa Eleinad é meu rei eles diziam se tratar de uma deusa, mas ele não podia ouvir isso, pois excomungava todos, dizendo para quem quisesse ouvir:

- Sou apena suma humilde serva de Tempus e a irá dele cairá sobre vós se continuardes com essa conversa.

Arriscando até mesmo a sua vida pois o deus Único adora queimar quem não o segue em fogueiras gigantescas. Já vimos isso em vossa cidade.

Eles decidiram que agora trariam Amrod até ela.

Desculpe Majestade, não sabia do seu encontro, acabarei aqui então a história.

Mas lembre-me que existe ainda coisas a serem contadas, como e se eles conseguiram libertar Amrod, se conseguiram abrir o portal para a casa dos deuses, se a mulher amaldiçoada foi salva ou mesmo se encontraram a fonte da criação, onde o mundo foi iniciado???

São muitas perguntas que serão respondidas um outro dia meu príncipe.

8 Blá blá blá!:

Matheus disse...

Opa.. sessão realmente MUITA BOA!!!!
Jogatina até as 5 da madruga sem dar um tapa...
Tava com saudade de sessões bem "role-playing"...

E novamente, show de bola a imagem do Coperfildo!!!

Dragões do sol Negro disse...

AHUAHu Uma dica clique nela e tente olhar nos olhos dele.

Eder disse...

No próximo encontro a giripoca vai piar... O death elf ou eternal elf? É Amrod, o teu tá na reta, hasuhasuhaus

Matheus disse...

Olha... não querendo colocar lenha na fogueira, mas já colocando...

Ainda dava pro povo levantar um $$ vendendo as orelhas dele pro Seronte... tenho certeza que ele vai querer...

Todos conhecem a fama da Taverna do Seronte e o prato da casa: Orelhas de Elfo Flambadas

Dragões do sol Negro disse...

hauahuahua

Amrod disse...

HA HA HA... não vai ser bem assim não....

RPG Forever disse...

Bacana essa postagem. Gostei.

Jquest, (não a banda, o desenho) disse...

Clique na imagem do ilusionista e depois tente olhar nos olhos dele a uns 30 cm da tela!
Muito bom quem fez?

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes