segunda-feira, 31 de maio de 2010

Velhos Amigos Se Encontram ou Inicio do Fim 20

Velhos Amigos Se Encontram ou Inicio do Fim 20



Saudações meu principe, Continuarei a história hoje, sim meu principe como já lhe havia dito anteriormente eles haviam caido em uma armadilha que os deixou presos mas eu gostaria de começar de outro modo a nossa história de hoje.

Quero começar ela em Orthannus, sim meu rei a cidade proxima ao seu reino, lá estava, Smirnoff procurando seus amigos, mas sem chance de encontrá-los e também Void O Necromante e Cantarzo o paladino , sim meu rei ele andava escondido, devido ao deus unico.

Ah meu rei como eles se ajudariam é parece estranho mas, ja deves saber que aqueles eram dias difíceis.

Smirnoff estava a caminho da guarda principal para se alistar ao exercito de Ortannus, coisa que ele fez mas foi em outra ocasião, nesse dia ele apenas desviou o seu caminho devido a um anuncio feito por Cyrus, oferecendo 1.000 po pela captura de um ladrão de jóias.

O mesmo motivo levou Cantarzo, razões diferentes, pois o paladinho acreditava precisar trazer o criminoso a justiça.

Assim como o motivo de Void, foi apenas o dinheiro.

Como eles tinham um certa fama, já na cidade, Cyrus decidiu montar o seu grupo e claro um paladino para ter certeza da missão ser seguida, Smirnoff para enfrentar os combates e o terrível Void com as habilidades magicas, julgadas tão necessárias por Cyrus.

Então com o plano montado Cyrus, explanou para eles o que queria. Mandaria eles através de magia até o ladrão, e assim eles capturariam o maldito ou os malditos é claro que Cyrus em nome do rei exigiu a cabeça dos larápios, convencendo que se tratava de traidores do reino e deveriam ser executados conforme as leis do reino tendo a cabeça separada do corpo.

Como combinado, através de magia enviou os heróis até Back e Amrod.

Alguma coisa saiu meio errada na coisa, primeiro Cyrus não sabia da amizade de Smirnoff com Beck e Amrod, nem tão pouco que Void também os conhecia, não que isso importa-se para Void mas para Cantarzo isso importava.

Pois ele firmava apenas o pacto com Cyrus caso a causa ainda fosse justa, coisa sempre fora, aos olhos do mago Cyrus, mas nunca aos olhos dos amigos.

A justiça meu rei tem várias interpretações e algumas delas meio deturpadas ao seus olhos e justas aos olhos de outros, saber equilibrar isso é a grande jornada do Imperador.

Mas estou divagando, preciso sempre tomar cuidado com isso, continuando agora Smirnoff, Cantarzo e Void se encontravam juntos de Amrod, Back, Argull, George, Matusalém e o guerreiro nórdico conhecido como Tripa Seca, é meu rei realmente não é um apelido justo ao um bravo guerreiro, mas guerreiros tem modos estranhos de chamarem os seus amigos.

Então agora meu rei eles se encontravam no escuro sobre a parca iluminação da orbe, presos entre a parede do bloco de pedra e o buraco que se apresentava a frente onde Void e Cantarzo cairam, no buraco várias armas e pedaços de metal se projetavam para cima como uma armadilha para os incautos, aventureiros.
Com muito esforço ele conseguiram sair do buraco, para Void foi fácil pois ele invocou o poder dos ventos e voava.

Eles não sabiam meu rei que a armadilha que os deixou presos na verdade alertou alguns moradores do lugar na verdade todos os moradores pois o barulho do imenso bloco de pedra, ecoou pelos corredores das ruinas.

Eles não sabiam meu rei que a armadilha que os deixou presos na verdade alertou alguns moradores do lugar na verdade todos os moradores pois o barulho do imenso bloco de pedra, ecoou pelos corredores das ruinas.

Próximo ali um grupo de Ogros que habitavam o local...

-Sim meu rei OGROS, 4 na verdade terriveis e malfeitores, como todos os ogros são, com exceção de Ceronte o ogro cozinheiro, da cidade de Santa Felicidade.

Esses malditos ogros saíram da parede como pode verificar AMROD (com M meu rei) e de surpresa pegaram os aventureiros pelas costas, atacaram com ferocidade e empurrando alguns deles de volta ao buraco e acertando outros com sua clava.

Foi uma luta difícil meu príncipe e eles teriam perecido ali mesmo, mas Void enfureceu-se com a facilidade com que foram emboscados e conjurou uma magia terrível e assassina, transformando os ogros em nada mais que pedaços de carne queimados.

Então continuaram o maior dos desafios deles era a terrível falta de iluminação que deixava as coisas bem pior para eles e após cruzarem mais dois buracos logo a frente, da escuridão sairam duas flechas acertando direto Back, mas nãoo suficiente para mata-lo.

Amrod mesmo sem enxergam percebendo a direção que vieram as flechas de dentro da escuridão disparou o seu arco velozmente, dizem meu rei que esse elfo consegue disparam 10 flechas seguidas antes da primeira tocar o solo. Eu não acredito mas elfos são sempre uma surpresa.

Sem muita opção pois mais flechas vinham em direção a eles, Beck segurou o escudo a frente de seu corpo tentando proteger, suas partes vitais e em carga correu escuridão a dentro, levando a luz para tentar iluminar o caminho e os seus agressores, bem meu principe, posso dizer que funcionou pois iluminou as terriveis criaturas.

E assim Tripa Seca seguindo Beck conseguiu atacar com seu martelo destruindo as costelas da criatura e matando-a.

O incrivel é, meu rei, deveria ter duas criaturas ali mas observando bem eles viram que uma delas foi atingida pelas flechas de Amrod e jazia morta. O elfo havia acertado ela sem ver e suas flechas cumpriram o seu destino.

Olhando mais cuidadosamente eles perceberam que existia mais três portas nesse sala que se alargava uma porta dupla a frente e mais duas uma em cada lateral.

George, desconfiado ou talvez avisado pelo seu tigre de estimação, conjurou um auxilio da floresta e poderia ver com clareza as armadilhas colocadas na porta.

Matusalém adiantou-se e com muita agilidade abriu as portas desviando-se da rústica armadilha, que tentava arrancar-lhe os pés.

E assim adentraram ao salão que fedia a urina e podridão, tapetes velhos e pedaços rasgados, de algumas poltronas serviam com morada pra alguns insetos.

Nas laterais do salão longe da iluminação escondia mais 4 ogros e novamente flechas foram disparadas, mas dessa vez que recebeu os golpes foi o grande escudo de madeira de Beck.

Mesmo com pouca iluminação, George, o tigre e Matusalém, atacaram o da direita, Cantarzo conjurando o poder dos deuses sobre si mesmo permaneceu recebendo as graças divinas, enquanto Smirnoff o defendia, Já Tripa Seca correu em direção do ogro a esquerda logo a frente esmagando a sua cabeça mas não antes que raios saíssem das mãos de Void e o atingisse. Ainda restava dois deles uma a esquerda em baixo e outro a direita em cima.

O que estava a direita em cima rapidamente morreu quando as flechas de Amrod atravessaram sua garganta já o de baixo foi dominado por magia por Argull que berrou para não atacarem ele pois esse era seu.

Então meu rei o que fazer se não utilizar o maldito como escravo assim Argull decidiu mandar que ele fosse a frente e assim mais uma armadilha que teria arrancado os pés dele, ceifou o pé da criatura maligna.

O Paladino com pena do maldito livrou-lhe da morte dolorosa dando-lhe a execução como escapatória.

Para saber mais sobre a armadilha acesse:


http://www.ogoblin.com.br/2010/02/armadilha-da-semana-um-piso-em-falso/



Eles seguiram o caminho a frente que virava-se para a direita e mais algumas armadilhas estavam a frente um fosso com uma passarela, mas agora eles estavam mais espertos e não cairiam mais nessa terrível e destruidora armadilha, que para eles havia se tornado apenas um contra tempo.

Então entraram na passagem a logo a direita o caminho se estreitava até uma porta de madeira carcomida pelo tempo, o chão era de metal como grades de portão, embaixo podia ver tubos e encanamento, muito velhos e podres, provavelmente era aqui uma casa de banho, no chão dois esqueletos de ogro repousavam sem vida e com buraco em seus crânios.

Após examinarem com muita dificuldade, pois a luz era muito fraca e nada que faziam poderia ajudar, Void irritado com a situação tentou várias vezes conjurar a magia luz ou iluminação ou a qualquer outra coisa que produzisse luz mas todas elas em vão.

Tripa seca encontrou outra porta velha e trancada, mais que depressa pôs a porta abaixo, a porta apenas se revelou um emaranhado de canos e tubos que foram destruídos no processo e a sala começou a inundar-se.

Como por impulso correram para a entrada da sala mas em vão pois a frente da porta caiu uma outra porta de ferro, lacrando a entrada.

Rapidamente o Paladino tentou utilizar uma válvula na sala tentando fechar a água que entrava incessantemente e muito rápido, mas isso só aumentou a velocidade da água.

Morreriam afogados se mais uma vez Void não decidisse salva-los, não que ele fosse uma pessoa boa meu rei isso jamais, mas ele precisava deles vivos caso decidisse sair dessa situação. Então com uma magia poderosa ele arrombou a porta.

Para saber mais sobre a armadilha acesse:





Então voltaram rapidamente pelo outro corredor pois a sala estava inundando já tinham água pelas canelas e seguiram pelo corredor, onde alcovas apresentavam esqueletos segurando livros e um dos livros chamou a atenção pois continhas símbolos conhecidos, Beck puxou e mais uma vez uma armadilha disparou, inundando a sala com um gás venenoso que ele espantou usando uma magia de vento.

Continuaram ainda pois atrás estavam cercados pelo gás que se dissipada lentamente.

Para saber mais sobre a armadilha acesse:

http://www.ogoblin.com.br/2010/01/livro-frasco-esqueleto/



Entraram numa espécie de masmorra onde várias celas e grades se apresentavam a sua frente, algumas dessas continham pessoas e ogros presos.

Após olharem para elas O Paladino e Back, perceberam que eles não tinham mais o brilho no olhar, algo estava muito errado, haviam mulheres e crianças entre os prisioneiros.

O paladino acautelou-se pois em uma das crianças ele pressentiu o mal, como jamais havia sentido. Era uma criança o que ele poderia fazer?

Ele libertou a todos sela após sela abriu-as uma a uma. Back o ajudou invocando com os poderes do seu deus comida para todos e água.

Eles devoravam como animais esbarrando-se uns aos outros, comiam como porcos esfomeados.

Algo aconteceu não sei explicar como, mas Tripa Seca, virou-se e atacou Void pelas costas, um ato desonrado, jamais praticado pelo seu povo, mas assim aconteceu.

Back mais uma vez se viu entre companheiros tentando se matar, mas dessa vez invocou o poder de seu deus para revelar a verdade, nada escaparia, todas as mentiras seriam desfeitas.

Mas para Tripa Seca nada importava apenas matar Void, e ele atacou de novo, mesmo Void agora vendo o seu agressor não pode escapar aos violentos golpes dado por ele.

George tentou atacar Tripa Seca, tentando impedi-lo mas foi em vão, pois ele matou Void e com velocidade extrema matou também George.

Nesse momento Back percebeu então que o garoto era quem dominava Tripa Seca e berrou matem o maldito garoto, O Paladino não hesitou e atacou com fúria destruindo o maldito.

Mas o mal já havia triunfado, Void e George já estavam mortos e suas almas caminhavam pelas casas dos deuses.

Back, ajoelhou-se, segurou para não chorar engolindo a sua dor havia acontecido de novo e mais uma vez ele falhou em salvar, seus companheiros. Mas dessa vez ele concertaria o erro entrando em uma espécie de transe, conseguiu trazer George de volta a vida, mas não estava satisfeito e fez o mesmo com Void, corrigindo assim modificando e alterando o destino dos seus companheiros.

Desculpe meu príncipe se fiz muito barulho, acordando-o de vosso sonho. Outro dia continuarei a história, dormiremos hoje então.


O que achou da aventura?  Até agora é claro. Enredo? História? Personagens? Npcs? Tá muito dificil? Tá muito fácil?
A to aguardando o background do Palada e do Tripa, o desenho do tripa tá ai pra cima hauauah.
O juvenil ta liberado pra postar aqui tbm viu!
A se puder da RT ai nesse poste pra galera do twitter!
Abraços e até o proximo jogo!

15 Blá blá blá!:

Pimpãozinho O Cruel disse...

Faltou descrever a empolgação do juvenil ripando jogadores "experientes" e tambem a parte do "eu to jogando eder" hahahaha . essa eu vo lembra por muito tempo ! boa juvenil , mando bem

amrod disse...

Por Corellon... o bardo cego acertou meu nome!!!!!

Dragões do sol Negro disse...

HAHAHA ele é cego mas não burro!
As vezes ...

Eder disse...

O Juvenil matou o necromante?
...
Duas vezes!!!
hasuahsuas
Pow, tanto a aventura quanto a narrativa ficaram espetaculares. Aliás, jogar de druida e ter recursos é muito maneiro. Estava com a magia respirar na água no gatilho quando o Void abriu a porta. haushasuhas

Eder disse...

Mas tem um lado Neverwinter que não quer calar: O que havia atrás das portas que ficaram para trás? E para o próximo desafio: o que terá no corredor da direita, naquele que não parecia tão feio?
Mal posso esperar...

George disse...

É preciso que meus companheiros saibam que o que vi é prova de que realmente devemos nos manter firmes na luta contra as forças malignas que se erguem. O poder de Ehlonná deve ser restabelecido e cada deus difamado deve ter seu respeito restaurado. Ou estaremos perdidos...

Pimpãozinho O Cruel disse...

Ou , pq só o Beck é procurado ?

Dragões do sol Negro disse...

Pq os mago sabe onde encontrar os outros me seus caixões! ahuahauha

Eder disse...

Acho que não... Esse Cyrus é, na verdade, uma... BICHA MÁ! Não pode ver ninguém com poderes superiores a ele que quer derrubar.
ALOKA!

Void o Necromante disse...

Assim, matar jogadores supostamente experientes, acho que é normal, mesmo pq experiente eu nao sou! Mas falando honestamente, a aventura foi otima, a narrativa foi boa (sei que o fino pode ter melhores) agora o enredo, armadilhas, dificuldade, jogabilidade, interpretação estavam otimas, tanto do mestre quanto dos players.

taf39 disse...

Soh quero tecer o comentario que teve um unico incidente que eu acho que nao foi totalmente interpretado corretamente! quando o Eder morto conversando comigo, e eu querendo conservar o corpo dele, em on game estava desenrolando naturalmente e todos certos, mas no momento que eu tive que explicitar o que eu realmente queria, o juvenil se viu em uma situacao dificil, o que o sandro fez foi certo... tava preparado, e o juvenil soh foi me matar com uma desculpa esfarapada que estava domido e talz... mas ele estava com medo ! medo de off game! mas claro, isso acontece sempre entaum continuo achando que esta tudo certo.
O legal tambem foram as perguntas que foram feitas por beck. Voce vai esquecer o que aconteceu? voce vai continuar conosco?, voce vai se vingar?
Nao, Sim, Nao vou responder.
Pessem comigo, se eu respondo a que nao iria me vingar, como era uma zona da verdade isso seria verdade e todos ficaram naquela, ahhh mata ele... nao da nada..
Se respondo sim, eles iriam me matar na hora, na duvida nao responder! melhor opcao vc pensa o que quiser.

Eder disse...

E teve a parte que o "Dedo da morte" não funcionou...
XD

taf39 disse...

Que coisa doida... o sangue nos olhos, o medo de morrer, a vontade de matar! foi o erro! tinha tanta coisa que poderia ou deveria ser feita, como comando, medo, imobilizar, entre outras coisas, mas nessa sexta nao poderei esta presente! droga (acabei de me lembrar tenho um jantar, +/- importante, se alguem quiser, eh em campo largo chega mais!) bom, se der... se der eu passo ai, mas acho pouco provavel! mas o necromante vai continuar, e sei que vcs nao vai sair dai ate la, se o fino quiser pode controlar ele, ele sabe o que eu vou fazer...!

Dragões do sol Negro disse...

Beleza eu uso ele matar todo mundo sem erro! HAUAHAU

Eder disse...

Fechou, quando o pau torar ou se a gente nao souber se tem armadilhas o necromante vai na frente, ahsuahsuhas

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes